12,570km
Ciclovia:

Percurso de Chaves

Ecopista da Linha do Corgo.

Ecovia Internacional do Tâmega e Corgo.

Início/Fim: Começa em Vidago, ao PK 77,305.

O Percurso de Vidago, da Ecopista da Linha do Corgo, no concelho de Chaves, começa a Sul, poucos metros depois do edifício da antiga Estação CP de Vidago. No cruzamento, da antiga Passagem de Nível, com a Avenida Conde Caria.

GPS: 41° 38' 17.29" N,  7° 34' 23.94" W

Fim/Início: Termina em Curalha, ao PK 89,393.

O Percurso termina em Curalha, poucos metros depois da Ponte sobre o Rio Tâmega e, poucos metros antes do edifício da antiga Estação CP de Tâmega.

GPS: 41° 42' 47.20" N,  7° 30' 58.12" W

Extensão: 12.570 metros.
Caracterização do Percurso: A Linha do Corgo foi uma das primeiras linhas de via estreita (1m) a ser construída inteiramente à custa do Estado, no auge do Turismo Termal. Esta linha de caminho de ferro, hoje desativada, unia as localidades de Peso da Régua e Chaves.

Planeada desde o Séc. XIX, como forma de ligar as Estâncias Termais de Vidago e de Pedras Salgadas, e as localidades de Chaves, Vila Pouca de Aguiar e Vila Real à Linha do Douro, foi inaugurada em 12 de Maio de 1906, com a chegada do comboio a Vila Real, e concluída a 28 de Agosto de 1921, com a chegada do comboio a Chaves.

A antiga Linha do Corgo foi devolvida à Natureza e, hoje, é possível desfrutar de uma via pedonal e ciclável, num Percurso de quase 13 quilómetros, entre paisagens de rara beleza, algumas delas acompanhando o curso do Rio Tâmega, e fazendo a ligação entre as unidades termais de Pedras Salgadas, Vidago e Chaves, unificando, assim, o principal recurso turístico deste território, a Água!

Fonte: C. M. de Chaves

Pontos de Interesse: Apesar de ser a Ecopista da Linha do Corgo, este Percurso começa já próximo do Rio Tâmega, aproximando-se cada vez mais da margem esquerda que acompanha até, no final, atravessar a Ponte de Curalha para a margem direita do Rio, onde termina.

A Vila de Vidago é sobejamente conhecida pela sua Estância Balnear Termal, que deve a fama às águas de Vidago, Campilho e Salus, pelas suas vocações terapêuticas na cura de inúmeras doenças.

Enquanto avança no Percurso, em direcção a Norte, vai aproximando-se da margem do Rio Tâmega, passando por antigos Moinhos de Água, poldras que atravessam o rio e uma Central Eléctrica, a Mini-Hídrica da Peneda, que também aproveita a força motriz do rio.

No final, atravesse a Ponte de Curalha, para a margem direita e visite os vários Castros que caracterizam este antigo povoado, nomeadamente, o Castro de Curalha, o mais bem conservado de todos.

km -00,770: Antiga Estação CP de Vidago.
km 00,000: Início - Avenida Conde Caria.
km 00,210: Antigo Apeadeiro CP de Campilho.
km 03,688: Antigo Apeadeiro CP de Paranheiras.
km 07,165: Mini-Hídrica da Peneda.
km 07,296: Antigo Apeadeiro CP de Peneda.
km 09,722: Antigo Apeadeiro CP de Vilela do Tâmega.
km 11,674: Ponte de Curalha sobre o Rio Tâmega.
km 12,600: Fim - Curalha.
km +00,130: Poldras e Moinhos do Rio Tãmega.
km +00,161: Antiga Estação CP de Tâmega.
Envolvência: A Ecopista desenvolve-se, na maior parte da sua extensão, no Vale do Tâmega, nas encostas da Serra de Santa Bárbara. A Poente, percorre a margem esquerda do rio, enquanto a Nascente, os campos agrícolas são uma constante.
Utilização: Percursos pedonais partilhados com as Bicicletas, com circulação nos dois sentidos. Proibido o trânsito de veículos motorizados.
Piso e sinalização: O Percurso de Chaves, da Ecopista da Linha do Corgo, tem o pavimento, maioritariamente, em saibro consolidado, intercalado com betuminoso de cor amarela, para sinalizar os cruzamentos. Na zona urbana de Vidago, o piso é em empedrado, imitando os antigos carris do comboio.

Dispõem de balizamento e de proteção das zonas mais desamparadas, através de vedações em madeira.

Está devidamente identificada com sinalética vertical, uma normalizada, outra específica da Ecopista, com a identificação de Ecovia Internacional do Tâmega e Corgo.

Declive: De um modo geral pode considerar-se a Ecopista da Linha do Corgo, no Percurso de Vidago, praticamente plana e sem declives acentuados. Os valores de altitude, são muito próximos, tanto no início, como no fim da Ecopista.

Grau de Dificuldade: Dificuldade Média, tendo em consideração o tipo de piso e a sua extensão.

Entidade responsável: Câmara Municipal de Chaves
Apoios: Nuno Guerreiro

A Mesa da Figueira

Luís Aníbal Dias Liberal

Inauguração: A requalificação do Percurso de Vidago, começou em 2019 e deu-se por concluída, no Verão de 2020.
Ampliação da Ciclovia: A Autarquia de Chaves está, neste momento, a proceder à empreitada de requalificação do restante Percurso, tanto para Norte, em direcção a Chaves, como para Sul, em direcção Vila Pouca de Aguiar. As obras têm conclusão prevista para antes do Verão de 2021.
 
Utilização/Use
Caminhada Bicicleta Sinal
 
Fotogaleria/Slideshow
Fotogaleria/Slideshow
 
Google Maps
 
Google Earth #
 
Coordenadas GPS #
Página actualizada pela última vez em: 03.Maio.2021
VOLTAR Esta página já foi visitada vezes, desde 03.Maio.2021