6,400km
Ciclovia:

Ciclovias das Margens do Tâmega

Ecovia Internacional do Tâmega e Corgo.

Localização: As Ciclovias das Margens do Tâmega localizam-se no centro urbano de Chaves.

Desenvolvem-se ao longo das duas margens do Rio Tâmega, entre a Ponte da Galinheira - Açude da Estação de Tratamento de Águas de Santa Cruz, a montante, e a Ponte dos Agapitos, a jusante.

GPS: 41° 44' 17.68" N,  7° 28' 1.33" W

Extensão: 6.400 metros.
Caracterização do Percurso: A Autarquia Flaviense procedeu à requalificação urbanística e valorização ambiental, da zona envolvente do Rio Tâmega na cidade de Chaves, com o objectivo de devolver ao rio o seu papel estruturante na vida da urbe. Para isso, aproveitou a intervenção do Programa Polis Chaves, que aumentou e melhorou os espaços públicos, as zonas verdes e os corredores pedonais nas duas margens do Rio Tâmega, como forma de incentivo da população local ao seu usufruto.

Assim nasceram, também, vários Percursos cicláveis, que abraçam o rio e percorrem, ao longo das duas margens, um eixo ribeirinho de mais de 3 quilómetros, onde se pode circular com toda a segurança enquanto se aprecia a paisagem proporcionada pela beleza do Rio Tâmega.

Pontos de Interesse: São muitos os pontos de interesse que vai encontrar ao logo destas Ciclovias, com especial referência para o Centro Histórico de Chaves.

Em torno das Ciclovias, vai atravessar várias zonas verdes, açudes e pontes, com destaque para o Jardim Público e do Tabolado; o açude das Poldras e as pontes pedonais; e a Ponte Romana de Trajano. Aprecie as Termas de Chaves; a Ponte das Caldas/Ponte do Ribelas; o Castelo e a sua Torre de Menagem; os Fortes, etc.

Envolvência: Trata-se de um Percurso ribeirinho circular, que envolve o Rio Tâmega na área urbana de Chaves.
Utilização: Ciclovias bidireccionais partilhadas.

É permitida a circulação de Peões (circuito de manutenção confinante com a Ciclovia em toda a sua extensão), de Bicicletas, Patins em linha, Trotinetes e Skates.

Piso e sinalização: Nos Percursos mais centrais (a jusante) é utilizado o betuminoso com acabamento de slurry seal de cor vermelha. Nas áreas mais afastadas (a montante), recorreu-se à mistura de saibro, da região, sobre uma camada de toutvenant. No Jardim Público, o piso é em terra batida.

Apresenta diversa sinalização, específica destas Ciclovias, tanto vertical como horizontal.

Declive: Circuito praticamente plano, sem ocorrências declivosas, que se desenvolve inteiramente nas margens do rio.

Grau de Dificuldade: Sem qualquer dificuldade.

Entidade responsável: Câmara Municipal de Chaves
Apoios: Nuno Guerreiro
Inauguração: As Ciclovias das Margens do Tâmega, entraram em funcionamento em Fevereiro de 2009.
Notas: Na zona envolvente à Ponte de Trajano, a circulação ainda se efectua partilhando a artéria rodoviária.

A montante, na margem esquerda do Açude da Estação de Tratamento de Águas de Santa Cruz, liga-se à Ecovia do Tâmega (Eurocidade Chaves-Verin).

 
Utilização/Use
Caminhada Bicicleta Sinal
 
Fotogaleria/Slideshow
Fotogaleria/Slideshow
 
Google Maps
 
Google Earth #
 
Coordenadas GPS #
Publicidade
Página actualizada pela última vez em: 07.Maio.2021
VOLTAR Esta página já foi visitada vezes, desde 28.Maio.2013